Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Últimas notícias > Saúde segue com atividades para a conscientização sobre a dengue
Início do conteúdo da página

Saúde segue com atividades para a conscientização sobre a dengue

  • Última atualização em Quarta, 11 de Março de 2020, 09h05
  • Acessos: 415

Objetivo é reforçar os cuidados e prevenções que devem ser tomados contra o Aedes aegypti; atividades serão realizadas por agentes do setor de Mobilização Social

 

Foto: Arquivo N.COM

 

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) programou novas atividades educativas para esta semana. Profissionais da equipe de Mobilização Social vão realizar passeata, palestras, teatros e rodas de conversa explicando sobre a dengue, quais os perigos, como prevenir a doença e formas de combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e outras doenças.

Os moradores do Jardim Tókio, na região oeste, estão convidados a participar do Dia D Contra a Dengue, que será nesta quarta-feira (4). A partir das 8 horas, agentes de Endemias e Comunitários de Saúde (ACSs), moradores, alunos de escolas municipais e colégios da região vão percorrer as ruas do bairro, convocando a população para agir contra a dengue. Com o objetivo de eliminar os criadouros do transmissor da doença, e que ficam principalmente dentro dos imóveis, o grupo fará uma passeata, conduzida por carro de som, dentro do Jardim Tókio e bairros próximos, exibindo cartazes e faixas.

O ponto de partida será a Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Tókio, situada na Rua Juhei Muramoto, 110. Participarão os ACSs da UBS, e também idosos e demais usuários dos grupos de atividades que são desenvolvidos na unidade. A passeata vai contar com participação das crianças e adolescentes matriculados no Centro de Educação Infantil (CEI) Tia Lana, nas escolas municipais Nina Gardemann, Santos Dumont e João XXIII, e no Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Profª Maria do Rosário Castaldi.

Organizada pela mobilizadora Márcia Leite, a passeata vai percorrer o quarteirão das unidades escolares, finalizando no CEEP Castaldi. Ali, a caminhada do Dia D Contra a Dengue vai passar pela Avenida Arthur Thomas, finalizando a mobilização às 9 horas.

Nesta quarta e quinta-feira (4 e 5), cerca de 360 alunos da Escola Municipal Claudia Rizzi (Rua Ibrahim Soubhia, 320, no Jardim Paraty) vão receber as mobilizadoras da SMS, Fabiane de Jesus e Harriete Monteiro, que realizarão uma roda de conversa e teatro abordando os cuidados que as crianças e as famílias devem ter e quais prevenções devem ser tomadas à respeito do mosquito. Os encontros serão realizados pela manhã, às 9 horas (4), e à tarde, às 14 horas (dia 5). Segundo a mobilizadora social, Fabiane de Jesus, além do teatro e a roda de conversa, serão entregues panfletos informativos sobre os principais cuidados necessários na prevenção e no combate ao Aedes aegypti para os alunos colarem em seus cadernos.

A mesma ação será realizada também para 840 alunos da Escola Municipal Juliano Sthingen (Rua Geraldo Gonçalves da Costa, 317, no Conjunto Parigot de Souza), entre os dias 6, 9 e 10 de março. De acordo com Fabiane de Jesus, as atividades educativas acontecerão o dia todo nestes três dias, e no último dia, será feito uma passeata ao redor da escola para chamar a atenção dos alunos e reforçar sobre as prevenções que devem ser realizadas.

Na quinta-feira (5), às 9 horas, as mobilizadoras Marcia Leite e Daniele Oliveira, realizarão uma roda de conversa com cerca de 25 funcionários da empreiteira Akon Engenharia UEL, que fica no canteiro de obras da universidade. “Serão dadas orientações sobre quais cuidados devem ser tomados com os materiais  de construção, que podem acumular água com facilidade. Além de discutir com eles outros cuidados, como os sintomas e as formas de prevenção contra à dengue”, disse a mobilizadora Daniele Oliveira.

Já na sexta-feira (6), cerca de 30 crianças de 3 a 6 anos do Centro de Educação Infantil (Cedai) vão assistir a um teatro de fantoche que será realizado pelas mobilizadoras Marta Silveira e Rose Basseti, às 13 horas. As agentes responsáveis vão fazer uma apresentação sobre os perigos da dengue. “Nós contamos historinhas, apresentamos uma caixa com vários brinquedos que podem acumular água e quais cuidados devem ter para evitar isso”, contou a agente Rose Basseti. O Cedai fica localizado na Rua Jurema, 297, no Jardim Antares.

Os agentes de endemias do setor de Mobilização Social costumam adaptar as atividades educativas, entre palestras, exposições, teatros ou rodas de conversa, para cada público. Dessa forma, o objetivo é conscientizar todos os londrinenses sobre os cuidados e as prevenções contra o mosquito da dengue.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com o setor de Mobilização Social, da Secretaria Municipal de Saúde, através do número 3372-9427.

Texto: Juliana Gonçalves e Luana Souza sob supervisão do N.Com

registrado em:
Fim do conteúdo da página