Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Centro de Atenção Psicossocial (CAPS)
Início do conteúdo da página

Centro de Atenção Psicossocial - CAPS

  • Última atualização em Sexta, 17 de Abril de 2020, 09h54
  • Acessos: 2184

O Pronto Atendimento/Ambulatório: CAPS III, CAPS AD e CAPS infantil são os pontos de atenção no município de Londrina para o atendimento dos pacientes com transtornos mentais e/ou necessidades decorrentes do uso de álcool/drogas e dos familiares em sofrimento, tendo, ainda, como suporte complementar as UPAs e a rede hospitalar. 

 

Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas - CAPS AD


Implantado em 2005, com o objetivo de tratar em regime de não internação pacientes com dependência química. O serviço conta com equipe multiprofissional composta por: médico psiquiatra, clínico geral, enfermeiro, psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional, educador físico, técnicos de enfermagem, técnicos administrativos, instrutores de oficina e serviço gerais.

O CAPS AD faz parte da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), que realiza matriciamento nas UBS, organizando e fortalecendo o serviço prestado. Mantem parceria com os serviços de acolhimento institucional, tanto infantil como adulto, e com a equipe de abordagem do Centro de Referência Especializado para a População em Situação de Rua (CENTRO POP) e outros serviços especializados de proteção social da Secretaria Municipal de Assistência Social: CREAS I, CREAS II, CREAS III e CREAS IV. Participa do trabalho nos territórios, participando de reuniões de rede e sub-rede, com o objetivo orientação sobre manejo com usuários de álcool e outras drogas e encaminhamento dos mesmos ao tratamento.

 

Centro de Atenção Psicossocial - CAPS III


Implantado em 1996 e é referência para usuários em sofrimento psíquico com oferta de seis leitos para acolhimento noturno e de curta permanência. O serviço que busca substituir o modo asilar e operar com outra conotação teórica e técnica que não a da psiquiatria tradicional. Suas atividades buscam a reabilitação psicossocial, visando promover o exercício da cidadania, maior grau de autonomia possível e interação social. O serviço oferta várias atividades permitindo aos usuários o reinventar da vida em seus aspectos mais cotidianos, uma vez que é principalmente do cotidiano que se encontram privados os sujeitos em sofrimento psíquico.

 

Centro de Atenção Psicossocial Infantil - CAPS I


O CAPS infantil representa uma inovadora e criativa forma de cuidar da saúde mental de crianças e adolescentes com foco na compreensão da subjetividade. É referência para tratamento de crianças e adolescentes com sofrimento psíquico ou em uso de substâncias psicoativas, atende em regime de acolhimento diurno possibilitando a permanência da criança ou adolescente durante o dia, presta atendimento em grupo ou individual, realiza atividades lúdicas e terapêuticas e faz atendimentos e visitas domiciliares.

É constituído por equipe multiprofissional: psiquiatra, pediatra, enfermeiro, psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional, educador físico, psicopedagogo, fonoaudiólogo, educador artístico, técnicos administrativos e serviço gerais.

 

Atendimento Poli

registrado em:
Fim do conteúdo da página