Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Epidemiológica
Início do conteúdo da página

Vigilância Epidemiológica

Última atualização em Quarta, 23 de Novembro de 2022, 13h48 | Acessos: 67092

Índice de Artigos

Ambulatório de Tuberculose

São atendidos neste serviço os pacientes com Tuberculose, infectados com HIV/Aids, Tuberculose Extrapulmonar e Multiresistentes. Estes pacientes são de abrangência de toda a 17ª Regional de Saúde e da rede Municipal de Saúde. Como o procedimento de diagnóstico e tratamento da Tuberculose está descentralizado, o Programa é referência para as dúvidas quanto ao tratamento e controle de casos diagnosticados.

A Tuberculose ainda é um sério problema de saúde pública reconhecida pelo governo brasileiro. Portanto, em razão de propósitos de suas políticas públicas, assumiu compromissos em seus cidadãos e com a comunidade internacional de controlar sua evolução, procurando reduzir sua prevalência da população.

O Programa Nacional de Controle da Tuberculose – PNCT está integrado na rede de serviços de saúde. É desenvolvido por intermédio de um programa unificado, executado em conjunto pelas esferas federal, estadual e municipal. Está subordinado a uma política de programação de suas ações com padrões técnicos e assistenciais bem definidos, garantindo desde a distribuição gratuita de medicamentos e outros insumos necessários até ações preventivas e de controle do agravo. Isto permite o acesso universal da população às suas ações. Este ambulatório é referência para os pacientes infectados com Aids e Tuberculose, com Tuberculose Extrapulmonar e com Tuberculose Multiresistente.

Localização
Centro de Referência Dr. Bruno Piancastelli Filho
Alameda Manoel Ribas nº 01
CEP 86010-140 – Londrina – Paraná
Horário de Atendimento: Segunda a Sexta das 7h às 13h.
Telefones: 3379-0179
Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Fim do conteúdo da página